Video Karaoke Águas de Março - Elis Regina

Este tema es una versión de Águas de Março, que popularizó Elis Regina
dúo con Antônio Carlos Jobim

Formatos disponibles:

CDG
MP4
WMV
KFN
?

El formato CDG (también llamado CD+G o MP3+G) es compatible con la mayoría de los reproductores de karaoke. Incluye un MP3 y la letra sincronizada.

Los archivos MP4 pueden reproducirse en MAC OS X y Windows 7 de manera predeterminada.
Si tienes Windows XP o Vista, puedes utilizar Windows Media Player 12.

Para reproducir nuestros WMV karaokes necesitas utilizar hardware y software compatibles.

Si estás utilizando Windows XP o Vista, Windowss Media Player está instalado por defecto en tu ordenador y es completamente compatible.
Si utilizas Mac OS or Linux, Videolan es una alternativa compatible de código abierto.

Este formato es compatible con el KaraFun Player, un programa de karaoke gratuito. Te permite activar o desactivar los coros y la voz principal, además de cambiar el tono o el tempo.

Con tu compra podrás descargar el vídeo tantas veces como quieras en todos estos formatos.

Acerca de

Tonalidad idéntica al original: B♭

Fecha de publicación: 1974
Géneros: Latin Music, Jazz, En portugués
Compositor original: Tom Jobim

Todos los archivos disponibles para descargar son pistas reproducidas, no es la música original.

Letra Águas de Março

É pau é pedra é o fim do caminho
É um resto de toco é um pouco sozinho
É um caco de vidro é a vida é o sol
É a noite é a morte é um laço é o anzol
É peroba do campo
É o nó da madeira caingá candeia
é o Matita Pereira
É madeira de vento
Tombo da ribanceira é o mistério profundo é o queira ou não queira
É o vento ventando é o fim da ladeira
É a viga é o vão festa da cumeeira
É a chuva chovendo é conversa ribeira
Das águas de março é o fim da canseira
É o pé é o chão
É a marcha estradeira passarinho na mão pedra de tiradeira
Uma ave no céu
Uma ave no chão é um regato é uma fonte é um pedaço de pão
É o fundo do poço é o fim do caminho
No rosto o desgosto é um pouco sozinho
É um estrepe é uma ponta
É um prego é um ponto é um pingo é uma conta pingando é um conto
É um peixe é um gesto
É uma prata brilhando é a luz da manhã é o tijolo chegando
É a lenha é o dia é o fim da picada
É a garrafa de cana o estilhaço na estrada
É o projeto da casa é o corpo na cama
É o carro enguiçado é a lama é a lama
É um passo é um sapo
É uma ponte é uma rã é um resto na luz de mato da manhã
São as águas de
São as águas de março fechando o verão março fechando o verão
É a promessa de
É a promessa de vida no teu coração vida no teu coração
É uma cobra é um pau é João
É uma cobra é um pau é José é um espinho é um corte na mão no pé
São as águas de
São as águas de março fechando o verão março fechando o verão
É a promessa de
É a promessa de vida no teu coração vida no teu coração
É pau é o fim
É pedra do caminho é um resto é um pouco de toco sozinho
É um passo é uma ponte
É um sapo é uma rã é um belo horizonte é uma febre terçã
São as águas de
São as águas de março fechando o verão março fechando o verão
É promessa de vida
É a promessa de vida no teu coração no teu coração
Pau inho es poco
Pedra inho toco inho pedro, ha, oiste são ouco ida oite hazu
São as águas de março
São as águas de março fechando o verão fechando o verão
É a promessa de
É a promessa de vida no teu coração vida no teu
Pah, tah, tah, dah, dah
Pah dah bah pah suh pah seeh sah
Zah zah zeeh zah ha zah gnah gneh nah
Ha nah neh deh bah bah bah bah bah bah bah bah bah beh deh
Bam bah neh deh ha zah nah deh
Ha nah dah dah ha nah nooh neh neh
Ha dah dah neh deh he dah dah dah doh ha

Queda prohibida su reproducción

Informar de un error en la letra

Enviar Cancelar